quinta-feira, abril 18, 2024
Desta semanaEducação

EJA a qualquer tempo

Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

Modalidade está disponível nas 14 regionais de ensino e as matrículas estão abertas durante todo ano

Com o objetivo de alcançar todos os cidadãos com o ensino básico, a Secretaria de Estado de Educação do DF oferece o Ensino de Jovens e Adultos (EJA) para aquelas pessoas, que por algum motivo não conseguiram completar a educação básica, ou seja, ensino fundamental e médio, ou nunca tiveram a oportunidade de estudar.

A modalidade é oferecida pelas 14 regionais de ensino do DF que, na semana passada, fizeram uma busca ativa por potenciais estudantes do EJA. Abordagens com panfletos foram realizadas na Rodoviária do Plano Piloto, Samambaia, Planaltina, São Sebastião e Santa Maria.

A intenção da iniciativa é conscientizar a população que as matrículas no EJA podem ser feitas a qualquer época do ano e combater a evasão escolar, um dos problemas enfrentados pelo modelo de ensino.

A diretora da Educação de Jovens e Adultos da Secretaria de Educação do DF, Lilian Sena, explica que “O aluno da EJA tem um perfil diferente. Ele é trabalhador, então a prioridade sempre é o trabalho”.

De acordo com a Secretaria de Educação, no DF há 93 escolas que ofertam a EJA e cerca de 35 mil estudantes são atendidos por semestre.

O sistema educacional é organizado em três segmentos. O primeiro corresponde aos anos iniciais do ensino fundamental. Neste segmento, as pessoas iniciarão e consolidarão o processo de alfabetização. 

O segundo segmento corresponde aos anos finais do ensino fundamental. Já o terceiro segmento corresponde ao ensino médio. Para se matricular nos primeiro e segundo segmentos, a idade mínima é de 15 anos completos. Para se matricular no terceiro segmento, a idade mínima é de 18 anos completos.