quinta-feira, abril 18, 2024
Desta semanaMundo melhor

Atendimento psicossocial para familiares de dependentes

Foto: Divulgação/Sejus

Acolhimento é realizado por especialistas como psicólogos, assistentes sociais, pedagogos e agentes sociais

Difícil é situação de dependentes químicos que, por vezes, não encontram forças suficientes para sair da condição de uso abusivo de álcool e outras drogas. Mas também é preciso destacar que esses indivíduos vieram de famílias, muitas vezes gravementeimpactadas por conta do vício de um de seus integrantes.

Com a missão de oferecer suporte a esses familiares, o programa Acolhe DF, desenvolvido pela Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF),disponibiliza reuniões de grupos de apoio quinzenalmente, na sede da pasta, que fica no prédio da antiga Estação Rodoferroviária.

A proposta das reuniões é auxiliar no fortalecimento psicossocial com socialização e integração de rede de apoio e trocas de experiências. Além disso, ajudar na promoção de um ambiente acolhedor e de apoio mútuo em que as pessoas se sintam seguras para expressar, sem julgamentos, vivências e pensamentos.

O Acolher DF é realizado pela Subsecretaria de Enfrentamento às Drogas (Subed), da Sejus. A iniciativa foi lançada em 2021, oferecendo à comunidade apoio psicossocial, com especialistas como psicólogos, assistentes sociais, pedagogos e agentes sociais. O objetivo é acolher todas as pessoas em situações relacionadas ao uso de álcool e outras drogas, bem como os familiares delas.

Entre as ações constantes no Acolhe DF estão palestras e atividades de prevenção ao uso de drogas; atendimento psicossocial para dependentes químicos e familiares; encaminhamento do dependente químico para o tratamento mais adequado, podendo ser em uma das comunidades terapêuticas parceiras do órgão; busca ativa a dependentes químicos em situação de rua; e também auxílio na reinserção social do adicto em recuperação, indicando cursos profissionalizantes, colaborando com a empregabilidade.

Para participar do grupo de apoio é necessário fazer inscrição por um dos telefones (61) 2244-1127, (61) 2244-1132 ou (61) 98314-0639 (WhatsApp) ou, presencialmente, na sede da Sejus-DF.

Com informações da Sejus