quarta-feira, maio 22, 2024
CidadesDesta semana

Nova era para a Praça do Relógio

Demanda antiga da população de Taguatinga inicia execução e previsão de finalização é de 180 dias 

Quem circula pelo centro de Taguatinga notou mudança na paisagem da Praça do Relógio. Área onde transitava centenas de pessoas diariamente, deu espaço para as máquinas e trabalhadores que vão revitalizar toda a praça. 

As obras de modernização da Praça do Relógio começaram na semana passada e contarão com investimento do governo local na ordem de R$ 5,5 milhões. A intenção é resgatar uma das praças mais importantes da cidade que já foi referência em manifestações culturais artísticas e de lazer.

O projeto foi elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh) e será executado pela Secretaria de Obras e Infraestrutura do Distrito Federal (SODF). De acordo com a pasta de obras, a previsão é que em 180 dias a praça seja devolvida à comunidade totalmente revitalizada e moderna, aproveitando o período de estiagem.

Foram projetadas várias novidades para o espaço, como novas ferramentas de acessibilidade, mais iluminação, paisagismo, instalação de bancos e lixeiras, além da conexão com o projeto do boulevard acima do Túnel Rei Pelé, inaugurado em junho de 2023.

Haverá também uma grande reforma na fonte luminosa, no espelho-d’água e nos canteiros da praça. De acordo com a SODF, parte do piso de pedra portuguesa será substituído por um pavimento rígido de concreto, utilizado em outras obras da cidade. A justificativa é que essas estruturas têm maior durabilidade e firmeza, e a mudança garante menos gastos com manutenção e mais segurança para pessoas com deficiência.

O engenheiro Luiz Nogueira, responsável pela execução da obra, comenta entusiasmado as intervenções na Praça do Relógio. “Vamos fazer bancos de concreto para as pessoas sentarem, locais para jogos de xadrez e dama, e plantar um jardim mais colorido, para dar uma característica mais agradável à praça”. “Eu nasci aqui em Taguatinga, cresci aqui, e estar aqui reformando essa praça é uma coisa que marca a minha história, a minha infância nesta cidade”, revela Nogueira.

A população recebeu a notícia com grande entusiasmo. Claudia Caetano conta que ver os tapumes lhe causou uma grata surpresa. “Quando vi os tapumes, na semana passada, custei a acreditar que era mesmo para a reforma da praça. Moro aqui perto há mais de 30 anos e nunca vi uma reforma consistente, era sempre um reparo superficial que logo se perdia. Espero mesmo que a praça se torne mais acessível, bonita e segura. Nos últimos anos, isso aqui tinha virado um espaço para tráfico de drogas, prostituição e crimes que assustaram toda a vizinhança. Tomara que os eventos culturais, feiras e os encontros que aconteciam por aqui voltem. Taguatinga merece esse presente”, destaca a moradora.

Foto: Geovanna Albuquerque/Agência Brasília